Ir para conteúdo principal Ir para o bloco de navegação

Inaugurado o novo Fórum Trabalhista de Caieiras

Foi inaugurada, na tarde dessa terça-feira (17), a nova sede do Fórum Trabalhista de Caieiras, na região metropolitana de São Paulo. O prédio, situado na rua Guadalajara, 514, é maior que o antigo e dispõe de melhores condições de infraestrutura e acessibilidade. A mudança ocorreu por conta da política de redução de custos com as unidades do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2).

Participaram da cerimônia integrantes do Corpo Diretivo, magistrados e servidores do TRT-2, além de procuradores (do município e do trabalho), membros da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o prefeito de Caieiras, representantes dos Poderes Executivo e Legislativo municipais, policiais e outros representantes de empresas e instituições locais.

20180717 Inauguração Caieiras destaque3
Na imagem acima (da esq. para dir.): Henderson Fábio dos Santos, presidente da subseção da OAB de Franco da Rocha; juiz Paulo Kim Barbosa; Patrícia Mauad Patruni, procuradora do trabalho; des. Jane Granzoto; des. Wilson Fernandes; e Wladimir Panelli, presidente da Câmara de Caieiras 

Para dar início ao evento, o desembargador-presidente do TRT-2, Wilson Fernandes, convidou todos os presentes a cantarem o Hino Nacional. Na sequência, junto a outras autoridades, descerrou a placa inaugural da nova unidade.

Várias autoridades discursaram e enalteceram as novas instalações. Para Patrícia Mauad Patruni, procuradora do trabalho, o espaço é “bastante adequado para o recebimento das partes, dos advogados e, principalmente, para os servidores e magistrados desenvolverem esse importante mister social que é a garantia dos direitos dos trabalhadores”.

O juiz titular da Vara de Caieiras, Paulo Kim Barbosa, que atualmente está convocado para atuar no 2º grau, disse que “o novo fórum vai atender bem à população que precisa da Justiça e aos advogados que aqui atuam”. Depois, agradeceu ao Corpo Diretivo pelas novas instalações, e aproveitou para elogiar o trabalho dos servidores e do juiz Dener Pires de Oliveira, que está no exercício da titularidade da vara.

A corregedora regional do TRT-2, desembargadora Jane Granzoto Torres da Silva, disse que a inauguração é motivo de alegria, por marcar uma meta alcançada. Ela fez referência à política de redução de custos do Tribunal. Isso porque o valor do aluguel foi reduzido quase pela metade, em comparação ao da antiga unidade. “A ideia de fazer muito mais com a menor quantidade de dinheiro possível, dentro da administração pública, tem que prevalecer”, destacou a desembargadora.

O último a discursar foi o presidente do TRT-2, desembargador Wilson Fernandes. Ele também destacou a preocupação da atual gestão com os custos da atividade, e explicou que passou a renegociar os contratos, em especial os de locação. “Isso nos permitiu uma economia de orçamento suficiente para enfrentarmos as dificuldades que, seguramente, o Judiciário, e especialmente a Justiça do trabalho, enfrentará nos anos de 2019 e 2020”, observou o presidente.

Fernandes ainda destacou que economizar não significa precarizar. Pelo contrário, as instalações do novo prédio são melhores do que as do anterior. “O nosso objetivo sempre foi esse: administrar os recursos prestando o melhor serviço que podemos prestar, com o menor gasto possível”, finalizou. (Confira abaixo a reportagem em vídeo sobre a inauguração.)

O que melhorou

Localizado bem próximo à antiga sede, o prédio que abriga o novo Fórum de Caieiras é maior do que o anterior, mais moderno, e conta com uma melhor iluminação natural e climatização. Além disso, foi adaptado para ser acessível.

O juiz Dener contou que a acessibilidade do prédio recebeu, desde o início, uma atenção especial. “Agora nós temos rampas, que permitem às pessoas com mobilidade reduzida uma maior facilidade de ingresso ao fórum”, explicou.

Letícia Hemetério Lisot, servidora da vara há cerca de 5 anos, conta o que mais lhe agradou com a mudança. “O lugar é maior, mais arejado, e a vista daqui é muito bonita. Acabou ficando mais bem distribuído em comparação ao fórum anterior”, observou. A paisagem, aliás, foi um aspecto que animou Marcos Adriano Gimenes Milan, diretor da Vara de Caieiras. “É desestressante”, concluiu.

camera icon 1

 Clique acima para ver o álbum de fotos

Texto: Karina Marsaiolli; Fotos: Fernando Hauschild – Secom/TRT-2