Ir para conteúdo principal Ir para o bloco de navegação

CPTM: trabalhadores suspendem greve

O Sindicato dos Ferroviários da Zona Sorocabana, o Sindicato dos Ferroviários de São Paulo e o Sindicato dos Ferroviários da Zona Central do Brasil resolveram suspender a greve da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos.

 

Diante do retorno ao trabalho, o dissídio coletivo de greve, em que se julgaria ser abusivo ou não o movimento paredista, não foi a julgamento. 

 

As partes permanecerão em negociação, estando agendada nova audiência para o dia 10 de junho, sexta-feira, às 13h, no 20º andar do Ed. Sede (rua da Consolação, 1272). 

 

Durante audiência realizada na manhã desta quinta-feira (02), a CPTM apresentou proposta de reajuste salarial de 3,27%, concessão de 180 dias de licença-maternidade, vale-refeição no valor de R$ 18, compromisso de estudar as distorções do plano de cargos e salários no prazo de 120 dias, além de outros itens requeridos pelos trabalhadores.